Paulo Hecker Filho

pauloheckerPaulo Hecker Filho (1926-2005) foi poeta, escritor, tradutor, dramaturgo, jornalista, cronista e crítico literário. Estreou em 1949 com um livro de crítica literária, mas só publicou poesia a partir da década de 1980. Escreveu mais de trinta livros entre obras de crítica, novela, conto, dramaturgia, poesia e tradução. Fundou a revista Crucial em Porto Alegre e teve participação nas revistas Quixote e Fronteira. Colaborou na mídia impressa, em especial nos jornais Correio do Povo, Zero Hora e Estado de São Paulo. Em 1986, recebeu o Prêmio Cassiano Ricardo por Perder a Vida, livro de poemas.  De outros gêneros, traduziu Escritos de Apollinaire (L&PM, 1984), Aurelia (L&PM, 1997), de Nerval, O marido complacente (L&PM, 1997), de Sade, e três novelas de Maurice Leblanc (L&PM, 1972, 1979 e 1988). No terreno poético, traduziu Uma temporada no inferno, de Rimbaud (L&PM, 1997) e X-504, Jaime Jamarillo Escobar, poeta (Tchê, 1986).

Clique aqui para maiores informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *