Foed Castro Chamma

Foed Castro Chamma (1927-2010) foi poeta e ensaísta. Nasceu no Paraná e, em 1941, mudou-se para o Rio de Janeiro. Começou a publicar poemas a partir de 1952. Seu livro Pedra da transmutação ganhou o prêmio Nestlé de Literatura na categoria Poesia em 1984. Publicou ainda Melodias do Estio (1953), Iniciação ao Sonho (1955), O Poder da Palavra (1959), Labirinto (1965), Ir a ti (1967), O Andarilho e a Aurora (1971, reunião dos três últimos livros) e Sons de Ferraria (1989). Traduziu 12 Poemas (Latife, 2000), de Adam Mickiewicz, Bucólicas (Latife, 1998), de Virgílio, e A arte de amar, de Ovídio (Caliban, 2009).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *