Antonio Nojiri

Antonio Nojiri (1930-2004) foi advogado e tradutor. Bacharelou-se em Direito pela Universidade de São Paulo (USP) em 1956. Traduziu Rashômon e outras histórias, de Akutagawa Rhunosuke, Pôr-do-sol, de Dazai Osamu (Massao Ohno, 1974); Sonhos de dez noites, de Natsume Soseki (Aliança Cultural Brasil-Japão, 1996) e Maravilhas do conto japonês (Cultrix). No âmbito da poesia, traduziu Antologia de poesia japonesa (Zipango, 2002); e Osíris, o Deus da Pedra, de Gozo Yoshimasu (Estação Liberdade, 1992).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *